Pesquisar neste blogue

terça-feira, 11 de julho de 2017

Santos & Pecadores


O mês de Junho é dilema festivo entre a fé efervescente e uma sucessão de autos de fé pagã.
Passadas umas meras semanas, restam as lembranças das expressões humanas encarnadas em manifestações de arte, sem escrutínio de credos ou de origens.



Noites estreladas em quarto crescente




O auto retrato do homem das noites estreladas




O santo dos homens crescidos




"O contratempo é uma iniciativa que visa o trabalho colaborativo entre as pessoas"




As sombras do expressionismo




O desafio das sombras




O dividido Homem moderno



Uma metáfora da santíssima trindade




A afirmação da mulher de cores fortes




"Em contratempo falamos de retrato e auto retrato que valoriza a auto estima de quem participa" 




O redentor




Uma redoma de santidade




"...construindo uma narrativa em que a diferença é o principal elemento a ser evidenciado..."




Perscrutando os limites da fé