Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Amanhã também é dia


Tomo I - Uma enorme vontade

Um vulto desce a rampa, cambaleante, e descobre-se para o mar sem proteção
Julga-se impune, por estar de costas, apesar dos esforços iniciáticos da municipalidade


Duas jovens parecem adivinhar a anomalia e comentam, sem aspas,
Há gajos que não têm mesmo a noção da cena.
E o rio corre para o mar em trote acelerado


Tomo II - Buraco negro

Embalados pelos espaços abertos, uma assembleia de blusões negros conferenciava sobre os limites de velocidade.


Desfasados da existência de uma força centrífuga que os empurra para o inevitável da mortalidade
Céu ou Inferno?


As sombras que pairam em espaços circulares receiam pelos homens à solta.
Ainda com alguma fé na raça humana.